quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Thomas Hobbes: "O homem é o lobo do homem"


Thomas Hobbes (1588/1679)

Para o filósofo inglês da Idade Moderna, o "Homem é o lobo do Homem".
No que ele chama de "Estado de Natureza", os homens são perfeitamente iguais, desejam as mesmas coisas e têm as mesmas necessidades, o mesmo instinto de auto-preservação.
Por isso, o estado natural é conflito..é guerra...
As guerras existem porque as pessoas querem as mesmas coisas...
Como adquirir a paz?
Apenas através de um Contrato, um pacto formal entre pessoas iguais que renunciam suas liberdades em troca de tranquilidade.
Pelo contrato as pessoas desejam o Bem Comum ..isso é feito através do Direito Positivo que se mantém pelo legislativo.
Hobbes pertence ao período filosófico chamado de "Contractualismo", período onde filósofos acreditaram que apenas um Contrato, um acordo coletivo faria o homem evoluir...

- Vc concorda que as pessoas precisem de um pacto universal para que o Estado seja pacífico? Ou...por esse prisma..o mundo precisa de um único pacto?
- As pessoas são iguais na base natural?
- Nossos instintos nos tornam agressivos? É o conforto da tecnologia e da civilização que nos mantém além dos instintos?
- É instintivo que uns tenham mais poder que outros? O mais forte?
- A Constituição seria um exemplo de Pacto?

O homem literalmente se "mata" para ter dinheiro, status, sucesso e poder consumir, mas e a qualidade de vida?

50 comentários:

Gisele disse...

O ser humano é a única espécie que não evolui, são poucos os que pensam, poucos os que agem...Muitos que reclamam, muitos que esperam mudar, muitos que deixam as coisas como está.
Não acho que seria necessário um contrato de paz para que haja paz.Afinal o contrato é apenas um papel, e o qual a importância de um papel perto dos sentimentos, das emoções, da Paz.
O maior problema insisto em dizer que ainda está no sonho das pessoas, que vem tendo como fonte o dinheiro. Porque é por dinheiro que os seres humanos brigam.

Anônimo disse...

Na ânsia de manter, adquirir ou marcar seu território, a sua matilha... torna-se o seu próprio e mais cruel vilão! ataca pra se defender e por vezes se machuca desnecessáriamente...

maddy disse...

concordo plenamente com os dois !!
o dinheiro e o maior problema do mundo ...
se nao ouvesse dinhero ,acho qe nao haveria tantos problemas !

Eduardo disse...

O homem é o único animal que mata por prazer,mistura irracionalidade com racionalidade de acordo com a conveniência e interesses.Política,Religião, isso são práticas criadas como monopólio de uma raça. então, pactos, leis,acordos, tratados, são mera representação de uma falsa sociedade alienada a uma falsa política meramente representativa.

Gil Mol disse...

Não concordo que o dinheiro por si só seja o grande vilão da atualidade. Temos muito mais por detrás do dinheiro. O dinheiro é apenas uma ferramenta para a troca ou pagamento pelo trabalho de alguém. Evoluimos sim, e muito. Conseguimos desenvolver as relações sócio-políticas como Hobbes descreve no Leviatã,pois fazemos contratos sociais o tempo todo. E olhem, que vivemos num mundo predominantemente cristão. Pense como é em outras sociedades, por exemplo no mundo islâmico. Mas há contratos sociais aí ainda, onde imagino que a 'submissão' ou a interpretação das leis religiosas controlam as pessoa.
Devemos lembrar que Hobbes nasceu num mundo que estava em guerra.
E ele conseguiu definir isto. Será que não fazemos contratos sociais o tempo todo?

Anônimo disse...

exatamente Gil. o dinheiro por si só não é capaz de levar a tamanhos malefícios, a pessoa no auge da sua ignorância sim; o dinheiro nada mais é do que uma ferramenta que facilita o nosso convívio em sociedade pois uma vez que se vive em sociedade se faz necessário o uso de certas regras, no entanto, o mal uso desse dinheiro é que eleva as coisas a um patamar de desordem.repensar conceitos, desfazer paradigmas e libertar-se de dogmas estabelecidos por uma minoria dominante é o começo para se pensar em libertação!

Paulo Sérgio disse...

O Lobo do homem é o próprio egoísmo do homem, que o devora todos os dias.

Mais Informática disse...

Ao contrário de Rousseau, Hobbes acreditava que o homem era "mal", em seu estado de natureza pré-societário. Conhecendo cada vez mais a humanidade, a cada dia que passa convenço-me de que Hobbes tivera razão. Viva o direito e que nós possamos fortalecer essa entidade viva no sentido de fortalecê-la a fim de que possamos alcançar a tão sonhada PAZ. Feliz ano novo a todos...

Anônimo disse...

tá tudo muito lindo, vc só precisa saber como fazer o layout de um blog, porque naõ se enxerga nada nesse fundo marrom com essa letra vermelha e azul... ¬¬'

Anônimo disse...

Do ponto se vista de Hobbes,como os seres humanos viveriam melhor ,sem se destruir mutuamente ?

Anônimo disse...

O sistema que criamos, a socieddade, servia a princípio para atender as vontades de seus integrantes a troco de um pequeno desconforto do homem não ser o que realmente é. Um animal extremamente egoista, inteligente, violento, cruel, em puro estado de natureza extremamente psicopático e oportunista.
A sociedade veio trazendo confortos, a união foi trazendo soluções para problemas comuns.
Hoje em dia vemos a sociedade criar problemas com péssimas administrações, soluções para problemas que não existem e que demandam grandes investimentos para alegria de alguns poucos, o mal atendimento da população para no final virar massa de manipulação.
Hoje a sociedade cria além de muitas coisas, medo, existem vários tipos de controle sobre o indivíduo, como moral, ético, leis, polícia, religioso, familiar, popular, administrativo e sobre esses controles, nenhuma garantia de vitória ou subexitência.
Damos quase toda nossa liberdade, sem nenhuma ou pouquíssima garantia de subexistência.
O pior de tudo isso é que em outro ditado interessante: "A força do lobo está no bando e a força do bando está no lobo" .
Nem os bandos são mais tão unidos, só os lobos perdem...

Anônimo disse...

São diversas a etnias, culturas e povos, então cada um verá o contrato, por mais que seja universal, de uma forma, a forma que lhe convém, naturalmente somos iguais, mas o meio transforma o ser a partir do primeiro contato com a sociedade, desde o berço o ser humano é condicionado a ter vontades, preferências, desejos, metas, isso nos é imposto desde a infância, o que nos torna agressivos são, sim os instintos, mas os instintos do nosso grupo, já que são eles que tornam a sociedade autoritária e a tecnologia é fruto da nossa agressividade, da nossa vontade de alcançar nossos objetivos, está nas entrelinhas: trace metas, realize-as a qualquer custo para conseguir o respeito, fama e/ou dinheiro; a constituição é apenas uma fachada para podermos nos intitular como seres pensantes que obedecem as regras criadas a partir dos preceitos morais e não dos instintos naturais, ou seja, a constituição é apenas uma fachada para nos diferir dos outros animais, mas no fundo somos farinha do mesmo saco evolutivo, somos os animais, os lobos de nós mesmos.

Samuel S. Dantas [15, Bahia]

wallison disse...

vivemos em um mundo em que depois do fim da guerra fria, apenas um bloco reina-capitalismo.. fora da jurisdição, em que todos somos iguais perante a lei; na pratica, seja na vida politica, econômica, social, religiosa, uns querem ser superiores aos outros, havendo dessa forma conflitos.. assim sendo, enquanto houver capitalismo e haverá por muito tempo, não existirá a PAZ desejada por muitos.

wallison disse...

vivemos em um mundo em que depois do fim da guerra fria, apenas um bloco reina-capitalismo.. fora da jurisdição, em que todos somos iguais perante a lei; na pratica, seja na vida politica, econômica, social, religiosa, uns querem ser superiores aos outros, havendo dessa forma conflitos.. assim sendo, enquanto houver capitalismo e haverá por muito tempo, não existirá a PAZ desejada por muitos.

Anônimo disse...

E não vivemos em guerra por acaso? Guerra em Serra Leoa, no Afeganistão, nas favelas do Rio de Janeiro, nos nossos trabalhos, na competição por dinheiro e por posses, pelo poder, etc. Atualmente vivemos em um caos generalizado produto da revolução industrial e do capitalismo. Estamos distraidos pela tecnologia, pela TV, pelo lançamento do novo carro, do novo iphone e não nos damos conta do que fazemos.

Dhouel disse...

Deixo aqui uma ressalva...
Thomas Hobbes popularizou oq foi dito por Plauto (254-184) em sua obra Asinaria, "o homem é o lobo do homem"
nao foi thomas hobbes quem idealizou o conceito, apenas o popularizou.

Anônimo disse...

That is a good tip particularly to those fresh to the blogosphere.
Brief but very accurate info… Many thanks for sharing this one.
A must read article!
Feel free to surf my page : diablo 3 monk guide

Anônimo disse...

That is a good tip particularly to those fresh to the blogosphere.
Brief but very accurate info… Many thanks for sharing this one.
A must read article!
Also see my web site - diablo 3 monk guide

Alexandre Lamounier Rodrigues disse...

No diálogo entre Mercador e Leônidas, Mercador diz:
...Mas, apesar de tudo, não me conseguirás convencer, hoje, a confiar o dinheiro a um desconhecido como tu. O homem é um lobo para o homem, não um homem, quando não se sabe quem ele é.
(Cena IV do Ato II - A comédia dos burros - Plauto - Edições 70 Lisboa - traduzido do latim por Aires Pereira do Couto)(Obra escrita em 212 ou 207 a.C.)

Unknown disse...

com certeza ele tem uma qualidade de
vida , a vida de caos

Anônimo disse...

Muitos do desejos humanos são construidos socialmente, são frutos de necessidades criadas pela evolução do ser social. O dinheiro, as roupas, o carro, a casa, até a mulher ou o homem perfeito são idealisações do que se considera como importante no modo de vida estabelecido. Não acredito no contrato social, não há possibilidade de uma desão em massa, por isso sempre haverá o conflito, mas sobretudo porque os seres racionais não desejam apenas terem as mesmas coisas, mas terem mais e melhor que... Contudo, acredito nos pequenos contratos estabelecidos cada vez em maior quantidade, entre amigos,entre familiares, entre vizinhos, entre colegas de trabalho... Todos não irão aderir, mas se for a maioria pode fazer uma grande diferença no estado de barbárie.

Anônimo disse...

Hi there to every body, it's my first go to see of this webpage; this website consists of remarkable and truly fine data in support of readers.
Also visit my blog post - how to get rid of acne

Anônimo disse...

Em tempos de tanta "competição", de tanta disputa, onde "os fins justificam os meios", reservo-me o direito de estar fora daquelas disputas que bestializam o homem e o torna muito mais feroz e violento do que os mais perigosos animais selvagens.
Ao longo da minha experiência de vida, pude ver, ouvir e até conviver com bestas-feras das piores espécies, porém consegui, graças a Deus e a meu caráter, permanecer imune aos malefícios que tais bestas trazem para o verdadeiro convívio humano.
Jamais me curvei à selvageria e ao jogo sujo, onde se permite "pisar no pescoço" dos outros para conseguir um posto mais privilegiado ou um holofote direcionado para si mesmo.
Se o homem é o lobo do próprio homem, ele também pode ser um reflexo de um Ser Supremo, extremamente longe das atrocidades, fofocas, intrigas, violências de toda sorte que vemos grassando diuturnamente por aí...
O homem pode ser o lobo do próprio homem, na razão direta de seus interesses mesquinhos, individualistas e, portanto, menores. O homem só será Homem, quando aprender a conviver e a harmonizar-se com os demais e com a Natureza.
JP

Wellington Matheus disse...

Fica a dica.Filme ``O poderoso Chefão´´

blogger disse...

Nos seres Humanos diferente de outros animais temos o dom de ter inteligência e sabedoria mais diante de um mundo totalmente capitalista utilizão o poder adquirido pelo dinheiro esquecem de inumeras situações como o respeito pelo proximo que isso nos dias atuais não existe infelizmente então é mais facil amar um papel (Dinheiro) que o proprio ser humano.
Obg pela oportunidade Rafael Dourado Carvalho

Anônimo disse...

sim..o homem é o lobo do homem que quer dizer o homem é o mal do homem!...thomas hobbes etava certinho!!!....

Anônimo disse...

Concordo com Thomas Hobbes, o homem eh o lobo do homem, o mau do homem eh o proprio homem. O homem eh o animal mais cruel que existe. Capaz de ser extremamente egoista, explorador, sem se importar com sua propria especie para se deliciar, de dinheiro. Fazem guerra, matam uns aos outros, e desejam ate uns aos outros mal. O ser humano eh podre, mas uns conseguem evoluir, outros nao, nao caminhamos no mesmo tempo. Eh necessario sim um estado pra tornar as coisas pacificas, controlar, e trazer paz para o coletivo. Existem instintos agressivos agressivos no homem, existem psicopatas por ai, bandidos, estupradores, pessoas sem piedade alguma, mas tambem existem pessoas exemplares, capazes de agirem como seres humanos SIM, as suas falhas, existem pessoas boas SIM, com certeza, assim como nao podemos negamos a existencia do mal, nao podemos negar a existencia do bem. - É instintivo que uns tenham mais poder que outros ou O mais forte mas isso eh bem particular. A Constituição seria um exemplo de pacto, mas ela precisa ser igualitaria, justa. As pessoas precisam viver bem. Mas outras pessoas sacrificam outras por dinheiro, ganancia, e egoismo.

Anônimo disse...

Os seres humanos brigam e matam por varios motivos: fome, dinheiro, briga, raiva, ciumes, doencas, crueldade. A ordem deve ser imposta por pessoas decentes, e nao pessoas corruptas e falsas que na verdade nao estao interessadas em servir o publico, pq se for assim vai dar confusao tb

Anônimo disse...

Eu não concordo com ninguém, pois cada um deve cuidar de si mesmo. E deixar de ficar cuidando da vida dos outros.
O verdadeiro lobo do homem são aqueles que não têm o que fazer e estão postando comentários.Deveriam estar trabalhando para o crescimento do País.

navivan disse...

O homem é lobo do próprio homem
Dependemos uns dos outros
Está certo dizer que o homem é lobo do próprio homem?
Nas empresas o 1° emprego de uma pessoa quando não tem se muita qualificação começa assim:
Esta pessoa começa comum cargo bem baixo, pois não tem experiência para ocupar um cargo com tanta responsabilidade.
Quando esta pessoa começa ela tem que estar sujeita a fazer tudo que lhe mandam fazer seus superiores no começo, a mesma faz com maior vontade pois esta empolga em fazer para que possa ganhar experiência.
Sua mente está aberta a tudo aprender o que lhe é novo é demais. Quando se gosta então do que está fazendo ai fica mais gostoso está certo que com muitos puxões de orelha, as vezes você se irrita um pouco.
Com certo tempo esta pessoa já está desenvolvendo seu trabalho de boa, está alcançando seu superior que já deixa ela fazer quase tudo sem ficar em cima. Esta pessoa então começa a dizer aos amigos poxa eu estou fazendo a mesma coisa que fulano e estou ganhado tão pouco isso precisa mudar.
Ai é que começa a ser colocada em pratica está tão famosa frase o homem é lobo do próprio homem.
Esta pessoa para subir de cargo começa a difamar a imagem das pessoas aos seus redores tudo para buscar um cargo mais auto. Dizendo em modos populares, começa um a engolir o outro.
Esta pessoa então consegue o seu objetivo ganhar uma promoção, está super. contente, mas nem imagina que esse ciclo de querer ser melhor que o outro vai começar de novo desta vez contra ela mesma, ou talvez este ciclo nunca tenha parado.
Mas é certo dizer também que somos ajudados muitas vezes porque não aprendemos nada sozinhos se você aprendeu alguma coisa na vida. Com toda certeza alguém te ajudou, pense olhe para traz quantas vezes você foi ajudado por outra pessoa.
Por de traz de tanta guerra por sobrevivência está um vilão o dinheiro que todos nós buscamos para a nossa sobrevivência.
Muitas pessoas querem que tudo mude, mas não fazem nada para isso, outras deixam como está, muitas buscam mudar mas sozinhos não conseguem.
A paz buscada por todos está dentro de cada um, a guerra do mundo está dentro de cada um de nós, portanto você é quem decide qual mundo tu vai querer.
Faça o bem porque ele te convém, aqui se faz aqui se paga, o acerto das coisas ruins que tu faz será acertada aqui mesmo na terra.
Aqui é o céu e o inferno.
Faça a escolha certo só depende de você.

navivan disse...

O homem é lobo do próprio homem
Dependemos uns dos outros
Está certo dizer que o homem é lobo do próprio homem?
Nas empresas o 1° emprego de uma pessoa quando não tem se muita qualificação começa assim:
Esta pessoa começa comum cargo bem baixo, pois não tem experiência para ocupar um cargo com tanta responsabilidade.
Quando esta pessoa começa ela tem que estar sujeita a fazer tudo que lhe mandam fazer seus superiores no começo, a mesma faz com maior vontade pois esta empolga em fazer para que possa ganhar experiência.
Sua mente está aberta a tudo aprender o que lhe é novo é demais. Quando se gosta então do que está fazendo ai fica mais gostoso está certo que com muitos puxões de orelha, as vezes você se irrita um pouco.
Com certo tempo esta pessoa já está desenvolvendo seu trabalho de boa, está alcançando seu superior que já deixa ela fazer quase tudo sem ficar em cima. Esta pessoa então começa a dizer aos amigos poxa eu estou fazendo a mesma coisa que fulano e estou ganhado tão pouco isso precisa mudar.
Ai é que começa a ser colocada em pratica está tão famosa frase o homem é lobo do próprio homem.
Esta pessoa para subir de cargo começa a difamar a imagem das pessoas aos seus redores tudo para buscar um cargo mais auto. Dizendo em modos populares, começa um a engolir o outro.
Esta pessoa então consegue o seu objetivo ganhar uma promoção, está super. contente, mas nem imagina que esse ciclo de querer ser melhor que o outro vai começar de novo desta vez contra ela mesma, ou talvez este ciclo nunca tenha parado.
Mas é certo dizer também que somos ajudados muitas vezes porque não aprendemos nada sozinhos se você aprendeu alguma coisa na vida. Com toda certeza alguém te ajudou, pense olhe para traz quantas vezes você foi ajudado por outra pessoa.
Por de traz de tanta guerra por sobrevivência está um vilão o dinheiro que todos nós buscamos para a nossa sobrevivência.
Muitas pessoas querem que tudo mude, mas não fazem nada para isso, outras deixam como está, muitas buscam mudar mas sozinhos não conseguem.
A paz buscada por todos está dentro de cada um, a guerra do mundo está dentro de cada um de nós, portanto você é quem decide qual mundo tu vai querer.
Faça o bem porque ele te convém, aqui se faz aqui se paga, o acerto das coisas ruins que tu faz será acertada aqui mesmo na terra.
Aqui é o céu e o inferno.
Faça a escolha certo só depende de você.

navivan disse...

O homem é lobo do próprio homem
Dependemos uns dos outros
Está certo dizer que o homem é lobo do próprio homem?
Nas empresas o 1° emprego de uma pessoa quando não tem se muita qualificação começa assim:
Esta pessoa começa comum cargo bem baixo, pois não tem experiência para ocupar um cargo com tanta responsabilidade.
Quando esta pessoa começa ela tem que estar sujeita a fazer tudo que lhe mandam fazer seus superiores no começo, a mesma faz com maior vontade pois esta empolga em fazer para que possa ganhar experiência.
Sua mente está aberta a tudo aprender o que lhe é novo é demais. Quando se gosta então do que está fazendo ai fica mais gostoso está certo que com muitos puxões de orelha, as vezes você se irrita um pouco.
Com certo tempo esta pessoa já está desenvolvendo seu trabalho de boa, está alcançando seu superior que já deixa ela fazer quase tudo sem ficar em cima. Esta pessoa então começa a dizer aos amigos poxa eu estou fazendo a mesma coisa que fulano e estou ganhado tão pouco isso precisa mudar.
Ai é que começa a ser colocada em pratica está tão famosa frase o homem é lobo do próprio homem.
Esta pessoa para subir de cargo começa a difamar a imagem das pessoas aos seus redores tudo para buscar um cargo mais auto. Dizendo em modos populares, começa um a engolir o outro.
Esta pessoa então consegue o seu objetivo ganhar uma promoção, está super. contente, mas nem imagina que esse ciclo de querer ser melhor que o outro vai começar de novo desta vez contra ela mesma, ou talvez este ciclo nunca tenha parado.
Mas é certo dizer também que somos ajudados muitas vezes porque não aprendemos nada sozinhos se você aprendeu alguma coisa na vida. Com toda certeza alguém te ajudou, pense olhe para traz quantas vezes você foi ajudado por outra pessoa.
Por de traz de tanta guerra por sobrevivência está um vilão o dinheiro que todos nós buscamos para a nossa sobrevivência.
Muitas pessoas querem que tudo mude, mas não fazem nada para isso, outras deixam como está, muitas buscam mudar mas sozinhos não conseguem.
A paz buscada por todos está dentro de cada um, a guerra do mundo está dentro de cada um de nós, portanto você é quem decide qual mundo tu vai querer.
Faça o bem porque ele te convém, aqui se faz aqui se paga, o acerto das coisas ruins que tu faz será acertada aqui mesmo na terra.
Aqui é o céu e o inferno.
Faça a escolha certo só depende de você.

ivan disse...

O homem é lobo do próprio homem
Dependemos uns dos outros
Está certo dizer que o homem é lobo do próprio homem?
Nas empresas o 1° emprego de uma pessoa quando não tem se muita qualificação começa assim:
Esta pessoa começa comum cargo bem baixo, pois não tem experiência para ocupar um cargo com tanta responsabilidade.
Quando esta pessoa começa ela tem que estar sujeita a fazer tudo que lhe mandam fazer seus superiores no começo, a mesma faz com maior vontade pois esta empolga em fazer para que possa ganhar experiência.
Sua mente está aberta a tudo aprender o que lhe é novo é demais. Quando se gosta então do que está fazendo ai fica mais gostoso está certo que com muitos puxões de orelha, as vezes você se irrita um pouco.
Com certo tempo esta pessoa já está desenvolvendo seu trabalho de boa, está alcançando seu superior que já deixa ela fazer quase tudo sem ficar em cima. Esta pessoa então começa a dizer aos amigos poxa eu estou fazendo a mesma coisa que fulano e estou ganhado tão pouco isso precisa mudar.
Ai é que começa a ser colocada em pratica está tão famosa frase o homem é lobo do próprio homem.
Esta pessoa para subir de cargo começa a difamar a imagem das pessoas aos seus redores tudo para buscar um cargo mais auto. Dizendo em modos populares, começa um a engolir o outro.
Esta pessoa então consegue o seu objetivo ganhar uma promoção, está super. contente, mas nem imagina que esse ciclo de querer ser melhor que o outro vai começar de novo desta vez contra ela mesma, ou talvez este ciclo nunca tenha parado.
Mas é certo dizer também que somos ajudados muitas vezes porque não aprendemos nada sozinhos se você aprendeu alguma coisa na vida. Com toda certeza alguém te ajudou, pense olhe para traz quantas vezes você foi ajudado por outra pessoa.
Por de traz de tanta guerra por sobrevivência está um vilão o dinheiro que todos nós buscamos para a nossa sobrevivência.
Muitas pessoas querem que tudo mude, mas não fazem nada para isso, outras deixam como está, muitas buscam mudar mas sozinhos não conseguem.
A paz buscada por todos está dentro de cada um, a guerra do mundo está dentro de cada um de nós, portanto você é quem decide qual mundo tu vai querer.
Faça o bem porque ele te convém, aqui se faz aqui se paga, o acerto das coisas ruins que tu faz será acertada aqui mesmo na terra.
Aqui é o céu e o inferno.
Faça a escolha certo só depende de você.

Anônimo disse...

As atitudes dos homens continuam as mesmas, desde a idade média. Não temos nenhuma dúvida de que Tomas Hobbes não chegou a essa conclusão por acaso. Mas, também não foi necessário muita observação para se chegar a ela. O homem é, por natureza, um lobo, que permanece na espreita a espera de um deslize do outro, para arrancar vantagens. Não existe ninguém santo. É preciso lutar para não morrer de fome . Essa é uma característica dos animais.

abmael aloba disse...

Esta frase "O HOMEM E LOBO DO PROPRIO HOMEM" nos remete a vários pensamentos um deles é a importancia de fazer contrato pois só palavras em não nossos dias não resolve mas para que se cumpra o que foi acordado ai entra o contrato defendido por "thomas Hobbies".Um outro ponto é que o homem tem que ser o melhor e sempre esta na frente para ser respeitado.
"temos que ser cabeça e não calda"
outro pensador é "MAQUIAVEL" que diz em sua obra o"PRÍNCIPE" por isto a vida sempre vai ser quem manda e quem obedece,quem lidera e quem é liderado!!!

abmael aloba disse...

Esta frase "O HOMEM E LOBO DO PROPRIO HOMEM" nos remete a vários pensamentos um deles é a importancia de fazer contrato pois só palavras em não nossos dias não resolve mas para que se cumpra o que foi acordado ai entra o contrato defendido por "thomas Hobbies".Um outro ponto é que o homem tem que ser o melhor e sempre esta na frente para ser respeitado.
"temos que ser cabeça e não calda"
outro pensador é "MAQUIAVEL" que diz em sua obra o"PRÍNCIPE" por isto a vida sempre vai ser quem manda e quem obedece,quem lidera e quem é liderado!!!

abmael aloba disse...

Esta frase "O HOMEM E LOBO DO PROPRIO HOMEM" nos remete a vários pensamentos um deles é a importancia de fazer contrato pois só palavras em não nossos dias não resolve mas para que se cumpra o que foi acordado ai entra o contrato defendido por "thomas Hobbies".Um outro ponto é que o homem tem que ser o melhor e sempre esta na frente para ser respeitado.
"temos que ser cabeça e não calda"
outro pensador é "MAQUIAVEL" que diz em sua obra o"PRÍNCIPE" por isto a vida sempre vai ser quem manda e quem obedece,quem lidera e quem é liderado!!!

Arthur Virgilius disse...

O homem é o lobo do homem?

Essa reflexão de Hobbes é feita num momento o qual a estrutura monárquica estava a ruir, e assim uma evolução das ideias liberais (premissas do Iluminismo), baseadas na burguesia, começava a se aproximar da realidade. Vale ressaltar que o filósofo era muito mais próximo da monarquia, que do avanço socioeconômico que começava a se destacar.
O filósofo colocou justamente essa "EVOLUÇÃO" individual, e ao mesmo tempo social, a elevação de nossa racionalidade.
Nos tornamos mais racionais?
Na atual estrutura social que estamos inseridos, entramos de acordo com a teoria hobbesiana?
Vivemos em uma concorrência direta, tanto entre indivíduos, quanto a objetos de "Valor", em Marx, podemos considerar o fetichismo de alguns dos mesmos.
Pensando estruturalmente, ou seja, no agregado, a maioria da sociedade se constrói com esse aparato, influenciado pelo meio.
Temos a teoria de Locke, que esta também em Marx, o homem é bom, porém a sociedade o corrompe.
O quem sabe a aristotélica, que homem nasce na tabula rasa, sem nenhum conhecimento natural.
O homem é mau? O homem é bom? O homem nasce liberto de qualquer tipo de sentimento?

Arthur Virgilius disse...

O homem é o lobo do homem?

Essa reflexão de Hobbes é feita num momento o qual a estrutura monárquica estava a ruir, e assim uma evolução das ideias liberais (premissas do Iluminismo), baseadas na burguesia, começava a se aproximar da realidade. Vale ressaltar que o filósofo era muito mais próximo da monarquia, que do avanço socioeconômico que começava a se destacar.
O filósofo colocou justamente essa "EVOLUÇÃO" individual, e ao mesmo tempo social, a elevação de nossa racionalidade.
Nos tornamos mais racionais?
Na atual estrutura social que estamos inseridos, entramos de acordo com a teoria hobbesiana?
Vivemos em uma concorrência direta, tanto entre indivíduos, quanto a objetos de "Valor", em Marx, podemos considerar o fetichismo de alguns dos mesmos.
Pensando estruturalmente, ou seja, no agregado, a maioria da sociedade se constrói com esse aparato, influenciado pelo meio.
Temos a teoria de Locke, que esta também em Marx, o homem é bom, porém a sociedade o corrompe.
O quem sabe a aristotélica, que homem nasce na tabula rasa, sem nenhum conhecimento natural.
O homem é mau? O homem é bom? O homem nasce liberto de qualquer tipo de sentimento?

Arthur Virgilius disse...

O homem é o lobo do homem?

Essa reflexão de Hobbes é feita num momento o qual a estrutura monárquica estava a ruir, e assim uma evolução das ideias liberais (premissas do Iluminismo), baseadas na burguesia, começava a se aproximar da realidade. Vale ressaltar que o filósofo era muito mais próximo da monarquia, que do avanço socioeconômico que começava a se destacar.
O filósofo colocou justamente essa "EVOLUÇÃO" individual, e ao mesmo tempo social, a elevação de nossa racionalidade.
Nos tornamos mais racionais?
Na atual estrutura social que estamos inseridos, entramos de acordo com a teoria hobbesiana?
Vivemos em uma concorrência direta, tanto entre indivíduos, quanto a objetos de "Valor", em Marx, podemos considerar o fetichismo de alguns dos mesmos.
Pensando estruturalmente, ou seja, no agregado, a maioria da sociedade se constrói com esse aparato, influenciado pelo meio.
Temos a teoria de Locke, que esta também em Marx, o homem é bom, porém a sociedade o corrompe.
O quem sabe a aristotélica, que homem nasce na tabula rasa, sem nenhum conhecimento natural.
O homem é mau? O homem é bom? O homem nasce liberto de qualquer tipo de sentimento?

Flavio Alves Sanches disse...

A fraqueza do homem é seu próprio
ego .com a ajuda da natureza o homem aprendeu a fazer o fogo e depois do fogo criou farias ferramentas para se protegem contras as ameaças conhecidas e de desconhecidas do mundo,a bomba atômica acaba com todo que toca ,ela é mais uma ferramenta do homem ,o lobo não crias as coisas ,agora e o ego do homem o que cria ?

Flavio Alves Sanches disse...

A fraqueza do homem é seu próprio
ego .com a ajuda da natureza o homem aprendeu a fazer o fogo e depois do fogo criou farias ferramentas para se protegem contras as ameaças conhecidas e de desconhecidas do mundo,a bomba atômica acaba com todo que toca ,ela é mais uma ferramenta do homem ,o lobo não crias as coisas ,agora e o ego do homem o que cria ?

Anônimo disse...

Coloque duas crianças pequenas juntas, e o que se pode observar? Que o EGOÍSMO é inerente ao ser humano. Vão disputar brinquedos, atenção ou comida. Vão fazer birra, brigar, dissimular, chorar. Mas conforme forem crescendo, se houver uma presença atuante dos pais, eles vão aprender a viver em HARMONIA, respeitando a propriedade privada, o "espaço" do outro, os bens do outro, os sentimentos do outro. Esse já é um pacto, talvez o primeiro da vida. Após crescerem um pouco, se uma criança for mais forte que a outra, e conseguir impor sua vontade à força, a autoridade dos pais vai servir como coerciva contra o desejo (imoral) do filho de roubar os brinquedos do outro. Algumas crianças vão aceitar esse "pacto" facilmente, mas outras só o obedecerão mediante coerção, mediante intimidação. E, quando adultas, quando a autoridade dos pais sai de cena, elas podem aceitar aquele pacto que conheceram quando crianças, ou não. Muitos o aceitam livremente, outros AINDA precisam de um estímulo, uma força coerciva. Pra essas é que foi criado o Estado. Portanto, dizer que o problema é o dinheiro e o capitalismo é muita inocência. É muita falta de conhecimento da ação humana. O dinheiro e o capitalismo existem pra facilitar a vida dos homens, e não pra criar novos conflitos. Sem o dinheiro, ainda brigaríamos por coisas primárias como comida, parceiras(os) ou moradias. É o instinto humano. Culpar o dinheiro pelos problemas do mundo é como culpar as armas pelas mortes. É como culpar os carros pelos acidentes. Como culpar as mulheres pelos estupros. O dinheiro facilitou a vida da humanidade. E a busca por mais dinheiro e poder (que muitos chamam de ganância) é que levou ao grande salto da humanidade nos últimos 400 anos. Não foi o altruísmo do homem que nos trouxe todos os avanços da medicina, nos trouxe todas as comodidades, toda nossa tecnologia. Foi o desejo de enriquecer ou de ficar famoso que fez isso. A invenção dos carros e do avião permitiu uma liberdade pras pessoas jamais sonhada. A invenção da internet e todo o mercado que veio com ela nos permitiu uma interação de povos como nunca na história. Mas usam a internet pra fins ilícitos? Usam os carros pra assaltos ou aviões pra traficar drogas? Sim, como dito, existem pessoas que não irão respeitar os pactos, colocando seus desejos egoístas acima das leis. Mas daí a dizer que a culpa é das montadoras, ou das empresas aéreas, é querer ampliar muito a visão, culpando a alcatéia toda por causa de apenas um lobo solitário.

Ariosto Soares Miranda disse...

Pesquisei sobre "O homem ser o lobo do homem" e encontrei hoje seu Blog.
Hobbles estava certo, correto e cada vez mais acertado com o passar do tempo. O homem é a espécie que preda a sua própria espécie. O fato é que infelizmente o normal é a guerra, o conflito. Em todos os cantos da sociedade as pessoas parecem estar sempre armadas, preparadas para uma guerra.
Com o passar dos tempos entra outro filósofo em cena, que coaduna com o pensamento do inglês Hobbles. O apostolo Paulo disse a aproximadamente 2000 anos atrás que: Nos últimos dias, os homens seriam amantes de si mesmo, amantes do dinheiro, pretensiosos, soberbos, desleal, sem afeição natural, "não dispostos a acordos, ... (2 Timóteo 3:2-5. Infelizmente teremos que viver cada vez mais regidos por contratos, como defendido por Thomas Hobbles.

Ariosto Soares Miranda disse...

Excelente comentário de "anônimo". Os pactos, os contratos escritos ou tácitos, são inerentes ao ser humano em sociedade, e isto desde a tenra idade.

Gali disse...

Perfeito seu comentário. Precisamos aprender que o homem é selvagem por natureza e só dessa maneira poderemos, através dos pactos ou leis, conhecê-lo e doutriná-lo, na medida do possível.
Parabéns e obrigado.

TIBURCIO disse...

Como os estado unidos mantém o "sonho americano" ?? Falar que o dinheiro tem nada a ver ? Então por que na suiça e noruega quase não há homicidio ? Se os 80 mais ricos do mundo dividisse sua fortuna para os mais pobres com certeza a violência no planeta iria diminuir mas claro usar esse dinheiro em educação só em educação, pois o ser humano sem educação é mal maior que poderia ter aqui em vila velha-ES é um exemplo ou Rj

Anônimo disse...

Cícero Miranda disse...
A necessidade sim, de efetuar contrato, é notório mesmo com o contratato, existe conflito entre as partes e acabam ambos precisando recorrer ao Judiciario, na tentativa de acabar com os conflitos...
O Homem precisa de Leis, regras,ser regidos por normas, e mesmo assim muitos burlam,quebram os contratos, desobedece ignora as leis, se não houvesse o Contrato..seria pior...
Hobbles esta certo, até entre famílhares, o egoismo a inveja impera..
Desde dos tempos da Monarquia Hobbes refletiu sobre o que estava por vir..e sua preocupação com a Monarquia..
A reflexão de Hobbes sobre a decadencia da Monarquia ameaçada pelo Socioeconômico que surgia em evolução.
Sempre vai existir o egoismo e a frase do Grande Filosofoso... Thomas Hobbes...esta a cada dia atual...

Anônimo disse...

eu já escrevi onde foi para o que escrevi?

Cleyton Veras, estudante do Curso de DIREITO - FGF disse...

______A autopreservação do ser...
O instinto de AUTOPRESERVAÇÃO parece-nos que já não faz efeito em alguns de nós quando nos referimos (ou refletimos) ao famoso legado "O Homem é o lobo do Homem" – Thomas Hobbes (1588/1679).
Será que Thomas Hobbes foi somente utópico em sua tese “o ser por si só em seu espaço social procura dá tempo ao tempo pra buscar soluções para si e outrem na obtenção de suas necessidades reais e naturais?!”.
Assim sendo, o que observamos é o oposto: muitos se entregam, demasiadamente, a si mesmos quando os vícios (do álcool, cigarro e drogas) os dominam. Porém perguntamos: ‘Onde está o homem?! Onde está o lobo?!’
Será que o ser racional deixou de ter a capaz de – "O Homem é o lobo do Homem" –, através de seu instinto de AUTOPRESERVAÇÃO, sobressair das intemperes que instigar a morte em si?
Fica a minha ‘deixa’.
:::
Cleyton Veras | Professor do Ensino Fundamental | Estudante do Curso Superior de DIREITO_FGF_2014_campus_Fortaleza/CE